O Beacon : Uma Ferramenta Gratuita que Salva Vidas

November
,
2016

This is a non-official document translation although based on the original article, "The Beacon: A Free Tool That Saves Lives. Please, refer to the original language version of the article at www.aiche.org/resources/publications/cep/2016/november/spotlight-on-safety-beacon-free-tool-saves-lives. Portuguese translation courtesy of Antonio R. Lauzana, a CCPS Process Safety Beacon volunteer translator.

Se uma ferramenta gratuita que melhorasse a segurança de processo e salvasse vidas estivesse disponível, você a usaria? O Center for Chemical Process Safety
(CCPS) fornece essa ferramenta há15 anos. O Process Safety Beacon, mensagem mensal de uma página voltada para o pessoal operacional, fornece informações sobre um incidente de processo e lições aprendidas, assim como orientações de como se evitar incidentes similares. Ele tem focado em incêndios e explosões, liberações de gases tóxicos, bypasses de intertravamentos, perigos na utilização de mangueiras, equipamentos abandonados, trabalho a quente, identificação, alívio de pressão, house-keeping, espaço confinado, estresse térmico e fragilização por baixa temperatura, reatividade química, perigos em montagens e construções, descarga eletrostática, asfixia por nitrogênio e muito mais. Um compromisso de dez minutos para a leitura do Beacon pode afetar de maneira significativa as operações e manutenções em sua instalação, melhorando a segurança e salvando vidas.

O Beacon está disponível em mais de 25 diferentes línguas, possibilitando a seus leitores compartilhar as lições nele contidas com seus colegas no mundo todo. Ele pode ser usado como base para discussões sobre segurança de processo e ajudá-lo e a seus colegas a entender perigos do passado e identificar fatos similares ocorridos em sua instalação. As 180 edições do Beacon já publicadas fornecem informações úteis para serem usadas em reuniões e diálogos sobre segurança (DDS).

Estima-se que o Beacon alcance mensalmente cerca de 250 mil leitores. Aproximadamente 30 voluntários contribuem com seu tempo e seu conhecimento, na edição e comentários e mais de 50 tradutores voluntários asseguram que o Beacon esteja disponível a seus leitores em sua língua nativa. A chave para o seu sucesso é o formato conciso e a linguagem direta, incluindo fatos, orientações de cunho prático, gráficos e fotos.

Eu mesma já constatei o impacto global do Beacon conversando com pessoas que o leem todo mês e frequentemente encontro alguma edição do Beacon durante as visitas a sites; por exemplo em:

  • um centro de pesquisa e inovação em South Charleston, WV, EUA
  • uma sala de controle de uma companhia petroquímica de classe mundial em Shanghai, China
  • um escritório de um engenheiro de uma refinaria em Mumbai, Índia
  • a sala de controle de uma unidade de gás natural liquefeito (GNL) em Pampa Melchorita, Peru
  • um complexo de treinamento de uma companhia no Rio de janeiro, Brasil
  • uma biblioteca de engenharia em Qingdao, China
  • uma instalação de pesquisa e teste em Glocester, RI, EUA
  • um trailer em uma instalação de fraturamento de gás de xisto em Washington, PA, EUA
  • uma sala de conferências de um complexo petroquímico em Singapura.

O Beacon é um ícone mundial para o CCPS, AIChE e CEP que recebeu feedback positivo. Kief Hess, Global Process Safety Center of Excellence Leader na Chemtura Corp., relata, “O Beacon tem grande exposição na Chemtura, fornecendo dicas valiosas de reconhecimento de perigos e suas consequências para nossos empregados.” Outros leitores disseram: “Eu leio o Beacon todo mês. Sempre há algo útil que eu não sabia ou pude aprender mais” e “Ele é impressionante. Ele me ajuda a identificar problemas na minha instalação para que eu possa corrigi-los antes que alguma coisa ruim aconteça.”

Durante meu trabalho numa unidade fabril no Texas, eu encontrei numerosas oportunidades para usar várias edições do Beacon, incluindo:

  • “Segurança – Função de Todos?” (Dez. 2002)
  • “Isso Pode Acontecer na Sua Instalação! Você Está Bem Preparado para Responder em Casos de Incêndios?” (Fev. 2003)
  • “Disponível Quando Necessária???” (Out. 2004).

O lider dos direitos civis Mahatma Gandhi disse, “Se podemos mudar nós mesmos, as tendências no mundo também mudariam. ... Nós não precisamos esperar para ver que outros mudem.” Essas palavras afirmam que nós somos a mudança que queremos ver no mundo e o Beacon representa a mudança que o CCPS quer ver – i.e., compartilhar informação de forma explícita, concisa e compreensível para melhorar a segurança de processo.

Para receber o Beacon gratuitamente, faça a sua inscrição em www.aiche.org/ccps/resources/process-safety-beacon/

Agradecimentos

Agradecimentos especiais a Dennis Hendershot, John Herber, George King, Ruediger Lenz, Adrian Sepeda e Tony Thompson, que orientaram o Beacon e agradecimentos às centenas de pessoas que têm contribuido ao longo desses 15 anos.
 

Author Bios: 

Louisa Nara

Louisa Nara is the Technical Director of the Center for Chemical Process Safety (CCPS) for the American Institute of Chemical Engineers (AIChE). Louisa comes to AIChE/CCPS after 15 years with Bayer where she held positions of increasing responsibility including: Manager Process Safety and Crisis Management; Director of HSE, Security and Emergency Response at Bayer’s largest US Manufacturing site; and, Director, Risk Management and Compliance, NAFTA. Prior to joining Bayer, Louisa also gained significant experience in process safety, engineering, and HSE with Diamond Shamrock, PQ...Read more

Copyright Permissions: 

Would you like to reuse content from CEP Magazine? It’s easy to request permission to reuse content. Simply click here to connect instantly to licensing services, where you can choose from a list of options regarding how you would like to reuse the desired content and complete the transaction.